slogan

SELO ENEF RGB 01

Seja qual for o seu motivo, faça um mundo com mais Economia.

Corecon divulga Jornalista de Economia do Ano e melhores reportagens de Economia

 

O jornalista Eugênio Esber, diretor da Revista Amanhã, foi escolhido o “Jornalista de Economia do Ano”. A distinção é concedida pelo Conselho Regional de Economia do RS (Corecon-RS), com o apoio da Associação Rio-Grandense de Imprensa (ARI) e do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do RS (Sindjors), com o objetivo de homenagear um jornalista, devidamente registrado no Sindjors, colunista, repórter, editor de economia, comentarista econômico, de mídia eletrônica ou digital, que se destacou na sua área de atuação durante o ano. A escolha é feita por membros da ARI, do Sindjors, do Corecon-RS e de faculdades gaúchas que oferecem o curso de Comunicação Social/jornalismo no Rio Grande do Sul.

Com uma trajetória que começou há 38 anos na redação do Jornal do Povo, de Cachoeira do Sul, Eugênio Esber completa em 2017 três décadas de atuação no jornalismo econômico. Como diretor de Redação da Revista e do Portal AMANHÃ, e diretor de Conteúdo do Instituto AMANHÃ, Esber atua na coordenação do Projeto Cenários de AMANHÃ, que há mais de 20 anos promove a discussão de caminhos e modelos inspiradores para o desenvolvimento da economia gaúcha. Também comanda a execução de projetos de AMANHÃ com foco na Região Sul, entre eles os rankings 500 Maiores do Sul, Campeãs de Inovação e Top of Mind. Em 2017, foi finalista do Prêmio “Os mais admirados da Imprensa de Economia, Negócios e Finanças”, promovido por Jornalistas & Cia., de São Paulo. No âmbito do RS, Eugênio Esber teve seu trabalho reconhecido por entidades como o PGQP e a Abimec-Sul, no âmbito do RS, tendo sido agraciado, ainda, pelo Prêmio Bovespa de Jornalismo. Pelo “Projeto Educação”, de AMANHÃ, recebeu da ANDI, ao lado de outros profissionais brasileiros, o título de “Jornalista Amigo da Criança”. Formado pela PUCRS, Esber teve uma passagem de cinco anos pelo Correio do Povo como repórter especial, editor e, ainda, uma experiência como “ombudsman” da publicação. Eugênio Esber é sócio da Novo Texto, empresa pela qual ministrou workshops na área da comunicação em vários Estados brasileiros, com foco em temas como Jornalismo Econômico e Ética nas Relações entre Jornalistas e Fontes/Porta-Vozes. Escreveu a peça de treinamento “O drama” e “A comédia de ser notícia”. Em 2017, lançou a biografia “Um certo Mr. Elbling”, pela Editora Bookman.

O Corecon-RS divulgou, também, os vencedores do “Prêmio de Reportagem de Economia 2017”. Na categoria Mídia Impressa, o 1º Lugar ficou para a matéria “Transporte ferroviário no RS”, de autoria do jornalista Caio Cezar Cigana, do Jornal Zero Hora; o 2º Lugar para “Cooperativas da Serra crescem na crise”, de autoria do jornalista Fernando Soares, do Jornal Pioneiro; e o 3º Lugar para a matéria “Maratona pós-colheita”, do jornalista Danton José Boatini Júnior, do Jornal Correio do Povo. Na categoria Radiojornalismo, a melhor matéria foi “Indústria, economia gaúcha e investimento”, de autoria do jornalista Eduardo Matos, da Rádio Gaúcha; e na categoria Mídia Digital, foi premiada a matéria “A nova Osvaldo Aranha: importante avenida de Porto Alegre vive mudança de ares com novo perfil de empreendimentos”, de autoria da jornalista Bruna Oliveira, do Jornal do Comércio de Porto Alegre.

Os prêmios serão entregues durante solenidade oficial no dia 14 de dezembro, às 20 horas, no Hotel Continental (Largo Vespasiano Júlio Veppo, 77 – em frente à Rodoviária), Porto Alegre. Na oportunidade também serão homenageados os demais vencedores do “Prêmio Corecon-RS 2017” — que destaca as melhores dissertações de Mestrado, artigos técnicos ou científicos e monografias ou trabalhos de conclusão de Curso —, o “Prêmio Economista do Ano”, o “Prêmio Destaque Docente do Ano”, além da premiação dos estudantes do ensino médio e fundamental vencedores do V Prêmio de Educação Financeira.

PRÊMIO REPORTAGEM DE ECONOMIA 2017

Mídia Impressa

1º Lugar
“Transporte ferroviário no RS” – Caio Cezar Cigana (Zero Hora)

2º Lugar
“Cooperativas da Serra crescem na crise” – Fernando Soares (Pioneiro)

3º Lugar
“Maratona pós-colheita" – Danton José Boatini Júnior (Correio do Povo)


Radiojornalismo

“Indústria, economia gaúcha e investimento” – Eduardo Matos (Rádio Gaúcha)

Mídia Digital

“A nova Osvaldo Aranha: importante avenida de Porto Alegre vive mudança de ares com novo perfil de empreendimentos” – Bruna Oliveira (Jornal do Comércio)